Imprimir esta pg
0
0
0
s2sdefault

Cai a liminar que dispensava presença de Parente na CPI da Petrobras

05 Outubro Lido 4153 vezes

Parente não quer dar satisfações nem apresentar documentos

Convidado a comparecer em audiência pública da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que, por iniciativa do deputado Paulo Ramos (PSol), investiga, na Assembleia Legislativa do RJ (ALERJ), operações realizadas pela Petrobras que irão repercutir no Estado do Rio de Janeir,o o presidente da Petrobras, Pedro Parente, entrou com liminar que impedia não apenas a convocação dos gestores, mas também a requisição de documentos da empresa. 

Em vista desta fuga à responsabilidade, já que a CPI quer esclarecer, especialmente, o programa de venda de ativos estratégicos da Companhia, a Procuradoria da ALERJ entrou com Agravo de Instrumento que anulou a liminar do presidente omisso. Para conhecimento e divulgação, publicamos nesta edição a íntegra do documento, que você pode ler clicando aqui.

Última modificação em Sexta, 06 Outubro 2017 18:03
Avalie este item
(5 votes)
0
0
0
s2sdefault
Veja algumas métricas do portal.
Subscribe to this RSS feed