Imprimir esta pg
0
0
0
s2sdefault

Caminhoneiros desafiam Miriam e Sardenberg para debate sobre política de preços da Petrobrás

17 Março Escrito por  Cláudio da Costa Oliveira Lido 1830 vezes

claudio Assembleia que aprovou a paralisação de fevereiro não foi revogada

O Conselho Nacional do Transporte Rodoviário de Cargas – CNTRC, vem assumindo o protagonismo na defesa dos caminhoneiros autônomos brasileiros.

No início do ano o CNTRC convocou uma paralisação dos caminhoneiros para o dia 1º de fevereiro. O movimento sofreu forte repressão da PRF que no processo de coação, em alguns locais, chegou a contar com o apoio do exército brasileiro.

Os principais efeitos desta paralisação foram deixar os caminhoneiros de sobreaviso e a destituição do atual presidente da Petrobrás, Roberto Castello Branco.

A Assembleia que aprovou a paralisação de fevereiro não foi revogada e continua em aberto. Portanto os caminhoneiros podem, a qualquer instante, voltar com o movimento.

A pauta de reivindicações do CNTRC é composta de 10 itens como vemos a seguir:

https://drive.google.com/file/d/1mcWzo3MJxdZmAkt9mSJl9H-psOjfz9tY/view 

Hoje o principal item da pauta do CNTRC é o fim da política de preços da Petrobrás (PPI).

Em recentes declarações os jornalistas Miriam Leitão e Carlos Alberto Sardenberg, se posicionaram favoráveis à manutenção da política de Preços de Paridade de Importação – PPI pela Petrobrás. Em função disto o CNTRC elaborou uma enquete para tentar conhecer a opinião dos brasileiros, em especial dos caminhoneiros, onde foram feitas as seguintes perguntas:

Qual , vocês acreditam, é o principal objetivo da política de preços da Petrobrás?

Defender o Brasil?

Defender empresas estrangeiras?

Defender os investidores?

A enquete está em andamento.

Ao mesmo tempo o Conselho convidou os jornalistas Miriam Leitão e Carlos Alberto Sardenberg, para participarem do encontro do CNRTC programado para os próximos dias 26 e 27 de março, no município de Barra Mansa RJ, para discutir a política de preços da petroleira brasileira.

O encontro do CNTRC estava programado há vários meses e em princípio seria presencial, mas com o recrudescimento da pandemia o mais provável é que venha a ser realizado virtualmente.

Em função disto foi elaborado e encaminhado convite com o seguinte teor:

407

 

408

 

 

Cláudio da Costa Oliveira
Economista a Petrobrás aposentado

Última modificação em Quarta, 17 Março 2021 20:31
Avalie este item
(6 votes)
0
0
0
s2sdefault
Veja algumas métricas do portal.
Subscribe to this RSS feed