Imprimir esta pg
0
0
0
s2sdefault

Morte do dólar norte americano? China lança petro-yuan para desafiar o domínio do dólar

26 Março Lido 9073 vezes

Os negócios futuros de petróleo bruto, com garantia do yuan, altamente esperados, foram lançados em Xangai.

A China é o maior consumidor de petróleo do mundo, com os olhos nos benchmarks rivais Brent e WTI, assim como a moeda norte-americana.

A negociação dos novos contratos futuros de petróleo para liquidação em setembro começou na Bolsa Internacional de Energia de Xangai a 440,20 iuanes (US $ 69,70) por barril, informa o jornal chinês South China Morning Post. Cerca de 18.540 lotes foram vendidos e comprados até o momento.

O tão esperado passo levou a um aumento nos preços globais do petróleo com o Brent Crude subindo para US$ 71 o barril pela primeira vez desde 2015. O West Texas Intermediate (WTI) atingiu o maior nível em três anos a US$ 66,55 por barril.
Especialistas consideram os contratos chineses atrelados ao yuan tão históricos quando, pela primeira vez, investidores estrangeiros puderam acessar contratos futuros no mercado futuro de commodities. O lançamento encerra anos de retrocessos e atrasos desde a primeira tentativa do país de listar os títulos em 1993.

Ao mesmo tempo, o lançamento do petro-yuan é visto como um golpe para o dólar americano que vem se enfraquecendo nos últimos meses. O dólar dos EUA é a moeda de liquidação predominante para contratos futuros de petróleo. Na segunda-feira, o dólar caiu para o menor nível em 16 meses contra o iene, mas permaneceu estável frente uma cesta de seis principais moedas.

As autoridades chinesas teriam acelerado o lançamento em meio a crescentes importações de petróleo bruto. No ano passado, o país ultrapassou os EUA como o maior importador de petróleo do mundo. Assim, os contratos podem não apenas ajudar a obter algum controle sobre os preços das principais referências internacionais, mas também promover o uso da moeda chinesa no comércio global.

O dólar vai se enfraquecer, assim que outras nações tiverem uma alternativa real e confiável, afirmou Ann Lee, professora adjunta de Economia e Finanças da Universidade de Nova York e autora do livro "O que os EUA podem aprender com a China", à RT.

“É mais uma mudança de jogo para os EUA. Assim que outros países tiverem uma alternativa real e confiável ao dólar americano, eles podem se desfazer de suas posições em dólares e mudar para o yuan, o que pode desencadear uma crise da moeda norte americana. Se isso acontecer, não só haverá inflação das tarifas, mas também pela inundação de dólares ”, disse Lee.

Fonte: RT
Original: https://www.rt.com/business/422314-petro-yuan-futures-dollar-death/

Avalie este item
(8 votes)
0
0
0
s2sdefault
Veja algumas métricas do portal.
Subscribe to this RSS feed