AEPET Notícias

AEPET NOTÍCIAS 396

Data: 24/01/2013 
Arquivo: 396-TABLIDE-255-x33.pdf

(CLIQUE AQUI E LEIA O JORNAL NA ÍNTEGRA)

 

AEPET APOIA SILVIO SINEDINO PARA O CA DA PETROBRÁS


(e também os associados da AEPET que defenderem o programa estatutário da Entidade)


 

Na próxima eleição para o Conselho de Administração da Petrobrás a AEPET estará apoiando a reeleição de Silvio Sinedino.  Ao longo do seu mandato foram feitas diversas denúncias pelo conselheiro. Talvez a principal delas seja a questão da Refinaria de Pasadena, no Texas (EUA). Adquirida pela Petrobrás por um preço exorbitante, levou a um grande prejuízo à companhia por uma série de questões jurídicas e de falta de planejamento dos responsáveis na administração da Petrobrás. Esta questão teve repercussão na imprensa e no Congresso Nacional e gerou várias discussões entre os parlamentares que pediram audiências às autoridades sobre o assunto. Esta, entre outras iniciativas, obteve apoio de entidades petroleiras como a AEPET, a FNP e o Sindipetro/RJ.

Um importante ponto do programa defendido por Silvio Sinedino durante seu mandato e agora na sua campanha pela reeleição são os limites da representação no Conselho de Administração da Petrobrás que impede ao conselheiro eleito discutir as questões trabalhistas e previdenciárias, incluindo, portanto, a Petros e a AMS. Além do que, a companhia não garante a comunicação dos trabalhadores com seu representante no CA.

Sinedino defende que os funcionários da empresa tenham mais informações sobre o mandato no CA da Petrobrás e que, inclusive, participem das propostas e dos assuntos levantados nas reuniões entre os conselheiros. O acesso aos e-mails dos funcionários da Petrobrás é uma das reivindicações para um novo mandato para o cargo do CA que o conselheiro tenha condições de prestar contas  para toda categoria petroleira  que  respaldaram a sua candidatura.

 Na eleição anterior, a AEPET denunciou a falta de comunicação dos candidatos a representante no Conselho de Administração (CA) da Petrobrás com seus eleitores e com o corpo técnico da companhia. Esta situação não foi modificada, o que beneficia candidaturas apoiadas por entidades sindicais ou mesmo associações de classes como a própria AEPET. A Diretoria da AEPET considera este um sério problema para a democracia no pleito. Por isso, decidiu que, além do apoio à reeleição de Silvio Sinedino, novamente a AEPET denunciará este mecanismo antidemocrático.

Assim como no pleito anterior, outras candidaturas de sócios da AEPET também serão apoiadas pela Entidade para que novas opções e propostas sejam feitas aos trabalhadores da Petrobrás. Serão apoiadas, portanto, todas as candidaturas de associados da AEPET que defenderem programas de campanha em sincronia com o Estatuto da Entidade. Divulgaremos novamente os candidatos e seu programa (com até 2500 caracteres) em nossos veículos.

 

Conteúdo Relacionado

Não há conteúdo relacionado.

Tags

Não há tags relacionadas