AEPET Notícias

Aepet Notícias 387

Data: 27/02/2012 
Arquivo: BOLETIM-AEPET-387-TABLIDE-255-x33.pdf

Juntamente com a AGO (Assembleia Geral Ordinária) e com a AGE(Assembleia Geral Extraordinária) da entidade aconteceu dia 31/01, no Clube de Engenharia, a posse da Diretoria da AEPET para o Triênio 2012-2014. A solenidade deu posse aos novos integrantes da administração da AEPET e teve como mestre de cerimônia o jornalista e economista, Paulo Passarinho. Estiveram presentes ao ato, várias personalidades e autoridades entre elas o presidente do Clube de Engenharia, Francis Bogossian,que leu o termo de posse, o professor da USP, Ildo Sauer, o Brigadeiro Rui Moreira Lima, o advogado Modesto da Silveira, a Presidente de Honra do Modecon, Maria Augusta Tibiriçá, o Deputado Federal, Chico Alencar(PSOL-RJ), o Deputado Estadual, Paulo Ramos(PDT-RJ), o advogado, André de Paula, o presidente do Sindipetro-RJ, Emanuel Cancella entre outros representantes de entidades e movimentos sociais do Rio de Janeiro e do País.


O ex-diretor da Petrobrás, professor Ildo Sauer, falou sobre a história da luta na América Latina pela estatização do petróleo, que teve início na Argentina na década de 20 do século passado e depois aconteceu em vários outros países da região. Sauer também criticou o enriquecimento voraz do empresário Eike Batista que tem um projeto claro de se tornar o homem mais rico do mundo às custas das reservas petrolíferas do Brasil, principalmente do petróleo e do pré-sal.


O Presidente do Clube de Engenharia, Francis Bogossian, afirmou que se sente muito honrado por participar deste evento de posse da nova diretoria da AEPET, uma vez que a entidade presidida por ele está em perfeita sintonia com a AEPET em várias lutas em defesa da economia nacional , da soberania do Brasil e da Petrobrás.


O Brigadeiro Rui Moreira Lima lembrou as grandes lutas em defesa da Petrobrás durante o tempo em que foi membro da Aeronáutica. Foram grandes batalhas somadas à sua participação na Força Aérea Brasileira (FAB), com feitos épicos na 2ª Guerra Mundial. Dentro de ideias nacionalistas, o Brigadeiro defendeu a volta do monopólio estatal do petróleo tendo como executora a Petrobrás.


O engenheiro Fernando Siqueira, que agora foi eleito vice-presidente da AEPET, disse que a luta em defesa do pré-sal e da Petrobrás precisa ser multiplicada entre a população brasileira. Ele recordou seus últimos oito anos à frente da entidade, em que foram inúmeras vitórias e algumas perdas de pessoas queridas da diretoria anterior, como Sidney Reis, Ruy Gesteira e Heitor Pereira. Siqueira denunciou que a Comissão da Constituição de 1988 que transferiu o ICMS do petróleo para São Paulo era presidida pelo então Deputado Francisco Dornelles tendo ainda outros deputados do Rio como César Maia e Admilson Valentim.


Silvio Sinedino, que tomou posse como Presidente da AEPET, declarou que pretende investir na área de comunicação, uma vez que este é um setor estratégico na luta em defesa da Petrobrás e do Pré-Sal. “Por ser uma entidade nacional, a AEPET tem que se tornar uma voz que repercuta em todo o Brasil e enfatizou que o exemplo é muito mais importante, na sua opinião, do que as palavras. Somar forças com vários movimentos sociais e populares é uma das estratégias da direção da AEPET, uma vez que o objetivo comum é o bem coletivo e a defesa do Brasil”. Sinedino no final do ato pediu um minuto de silêncio em homenagem ao advogado Castagna Maia que prestou grandes serviços não somente aos petroleiros, mas também a outras categorias profissionais e foi o responsável pela anulação da 8ª Rodada de Licitação da ANP com seus argumentos jurídicos.

 

LEIA O BOLETIM NA ÍNTEGRA

Conteúdo Relacionado

Não há conteúdo relacionado.

Tags

Não há tags relacionadas