Rio de Janeiro,
PÓS-82

Pós-82: Aepet - Macaé realizou Reunião sobre a Eliminação do Teto Atual da Petros

Data: 21/06/2010 

A AEPET-Macaé realizou, no dia 10/06/10, concorrida reunião para debater e encaminhar propostas relativas à eliminação do teto atual de contribuição para a Petros entre 1982 e 2020, para o contingente de petroleiros contratados pela Petrobrás a partir de 1982, os chamados `Pós-82`. Esta reunião faz parte de uma série de outras reuniões que vêm sendo realizadas pelos diretores da AEPET, sob a coordenação do diretor de Pessoal da entidade e conselheiro eleito da Petros, Silvio Sinedino. Confira a seguir a nota emitida pela diretoria da AEPET-Macaé sobre a referida reunião, que ora apresentamos aos petroleiros e a sociedade brasileira.



`Companheiras e Companheiros da Petrobrás,

A apresentação da proposta dos três conselheiros eleitos da Petros – Silvio Sinedino (Conselho Fiscal), Paulo Teixeira Brandão (Conselho Deliberativo) e Ronaldo Tedesco (Conselho Deliberativo), realizada no dia 10 de junho, último, no Clube Cidade do Sol teve uma plateia com um grande número dos nossos associados da AEPET.

Foi explicado que o decretoque limitava a contribuição para Petros (sobre um tetohoje em cerca de R$ 9 mil) dos admitidos a partir de 1982 não existe mais. A proposta, então, dá a opção, a cada um deste grupo, de igualar seu limite de contribuição ao restante dos participantes da Petros.

Já existem simulações feitas por atuárioque apresentam de quanto seriam os valores a serem pagos em parcelas pelo período correspondente à expectativa de vida do participante, no caso da opção pelo novo cálculo do valor das contribuições. Não vai existir necessidade de contrapartida pela patrocinadora, já que a Petrobrás paga à Petros sobre a folha bruta total e não sobre o limite do teto de três tetos de benefício do INSS (hoje cerca de R$ 9 mil).

Quem quiser ter uma ideia de quanto teria que pagar na ativa e na aposentadoria para receber na aposentadoria benefício maior, deve enviar mensagem para o correio eletrônico do conselheiro eleito da Petros Silvio Sinedino: sinedino@yahoo.com

Existem aproximadamente 27 mil empregados nesta situação, sendo que cerca de 10 mil já recebem mais do que o limite atual de salário bruto. Neste grupo estão os que repactuaram e os que continuam no Plano Petros original.

Em todos os casos, o que vai existir, caso o Conselho Deliberativo aprove a proposta de eliminação do limite de contribuição para os Pós-82 já proposto pelos Conselheiros Eleitos pelos participantes, é a opção do associado da Petros de querer ou não fazer a adesão, não vai existir nenhuma obrigatoriedade.

A AEPET-Macaé acredita que é uma grande vantagem ter a opção do aumento do benefício Petros na aposentadoria.

A AEPET-Macaé aproveita para convidar os associados a participarem da reunião mensal que ocorre toda a 1ª segunda-feira de cada mês.

Caso queiram mais detalhes, fineza entrar em contato com a AEPET-Macaé pelo telefone (22) 2762-51110 ou pelo correio eletrônico: aepetmacae@uol.com.br

Pedimos divulgar esta mensagem para os companheiros que não são associados.

Diretoria da AEPET-Macaé

Conteúdo Relacionado

Não há conteúdo relacionado.

Tags

Não há tags relacionadas
Av. Nilo Peçanha, 50 - Grupo 2409
Centro - Rio de Janeiro-RJ CEP: 20020-100
Telefone: 21 2277-3750 - Fax 21 2533-2134
Compartilhe
AEPET - Associação dos Engenheiros da Petrobrás Desenvolvido por Arte Digital Internet