AEPET Direto

MPF cobra transparência nas licitações da Petrobrás

Data: 09/02/2017 

09/02/2017

 

MPF cobra transparência nas licitações da Petrobrás

 

O Ministério Público Federal enviou um ofício à Petrobrás cobrando transparência e pedindo mudanças nos processos de licitação da empresa. A recomendação é que os participantes das disputas para prestar serviços à companhia passem a dar publicidade aos Demonstrativos de Formação de Preço


Veja Mais
Opinião da Abimaq: "Acabar com conteúdo local é crime de lesa pátria"
O presidente executivo da Abimaq e do Sindimaq, José Velloso aponto para os perigos de se romper com a política de conteúdo local. 

 

Veja Mais

Reação na Petrobrás: “querem trocar a Noruega pela Nigéria”
Leia a íntegra da entrevista do presidente do Clube de Engenharia, Pedro Celestino, ao jornalista Paulo Moreira Leite

 

Veja Mais

 

A elite brasileira suicida-se

Por Ruben Bauer Naveira


Essa frase curta, “a elite brasileira suicida-se”, contém dois erros. Primeiro: jamais houve elite neste país. O que temos aqui não passa de uma classe dominante que, por preguiça intelectual, volta e meia é chamada de elite – conceito que, em qualquer país, diz respeito a um extrato social que avoca para si a responsabilidade de traçar o destino da sua nação e fazê-lo cumprir. Nunca houve nada assim no Brasil, lugar em que os horizontes da classe dominante não passam da acumulação predatória e do consumo ostentatório.


Veja Mais
Notícias importantes dos últimos “AEPET Diretos”:

Venda da usina de Guarani: prejuízo imediato de R$ 1,887 bilhão (leia mais)

Limitador de pagamento, cisão e equacionamento na reunião do CF da Petros (leia mais)

O Futuro da Petrobrás (leia mais)

“AEPET Notícias” - Leia os boletins mais recentes

Contratos bomba comprometem o futuro da Petrobrás (leia mais)

Estratégia de Parente obriga a Petrobrás a repetir fracasso das multi do petróleo (leia mais)

O trabalhador não pode pagar o pato (leia mais)

COTAÇÃO DO PRETRÓLEO
O barril Tipo Brent estava em US$ 54,93 nesta 4ª feira (08/02), às 12h38. Por seu lado, o óleo leve negociado em Nova Iorque foi para US$ 51,87 o barril
(oil.price.net)

Conteúdo Relacionado

Não há conteúdo relacionado.

Tags

Não há tags relacionadas