Notícias

Novo recorde na produção de petróleo e gás

Data: 02/09/2016 
Fonte: ANP Autor: Rogério Lessa

Ao contrário do que dizem os interessados na privatização da Petrobrás, a produção de petróleo e gás natural não está estagnada no Brasil, apesar da recessão interna e do fraco ritmo da economia mundial. A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) divulgou boletim informando que a produção total no mês de julho totalizou 3,255 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boe/d), ultrapassando o recorde anterior obtido em junho de 2016, quando foram produzidos 3,21 MMboe/d. "Os campos operados pela Petrobras produziram 93,4% do petróleo e gás natural."

 

"A produção de petróleo foi de aproximadamente 2,581 milhões de barris por dia (bbl/d), um aumento de 0,9% na comparação com o mês anterior e de 4,7% em relação ao mesmo mês em 2015. A produção de petróleo superou o recorde alcançado em junho de 2016, quando foram produzidos 2,558 MMbbl/d. Já produção de gás natural totalizou 107,2 milhões de metros cúbicos por dia (m³/d), superando o recorde anterior de 103,5 MMm3/d obtido em junho de 2016, o que representa um aumento de 3,5% frente a junho de 2016 e de 12,4% na comparação com julho de 2015", diz a ANP.

 

Produção total no pré-sal subiu 6,2% em relação ao mês anterior

 

A produção do pré-sal, oriunda de 65 poços, foi de aproximadamente 1,060 milhão de barris de petróleo por dia (bbl/d) de petróleo e 40,8 milhões de metros cúbicos por dia (m³/d) de gás natural, totalizando aproximadamente 1,317 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boe/d), um aumento de 6,2% em relação ao mês anterior.

 

A produção de petróleo no pré-sal superou os aproximadamente um milhão de barris diários obtidos em junho de 2016 e a de gás natural ultrapassou os 38,1 MMm3 produzidos em junho de 2016. A produção total também superou o recorde do mês anterior, de 1,240 MMboe/d. 

Conteúdo Relacionado