Notícias

Comissão lesa pátria aprova entrega do pré-sal

Data: 07/07/2016 
Autor: Rogério Lessa

Enquanto as atenções da Câmara dos Deputados estavam voltadas para a renúncia do deputado Eduardo Cunha à presidência da Casa, a Comissão Especial da Petrobras e Exploração do Pré-Sal, liderada pelo deputado José Carlos Aleluia (DEM-BA), aprovou nesta quinta-feira (7) o Projeto de Lei 4567/16, que retira a obrigatoriedade de atuação da Petrobrás como operadora única de todos os blocos contratados pelo regime de partilha de produção em áreas do pré-sal.

 

 

O projeto será votado agora no Plenário da Câmara dos Deputados. A princípio, a votação ocorreria na próxima semana. Mas a renúncia do presidente afastado Eduardo Cunha, anunciada por ele hoje, pode afetar esse calendário. Os parlamentares deverão focar na disputa pela mudança no comando da Casa. Caso seja o texto seja aprovado sem alterações no Plenário, o projeto vai para a sanção presidencial.

 

“O que estamos votando aqui é o início do processo de privatização da Petrobras e o deputado Aleluia sabe muito bem disso”, afirmou o deputado Glauber Braga (Psol-RJ).

 

Por sua vez, o deputado Davidson Magalhães (PCdoB-BA) afirmou que a questão conjuntural de problemas financeiros da Petrobras não deve ser a referência para alterar o regime de partilha.

 

O ex-diretor-geral da ANP, Haroldo de Lima, embarcou na ideia de que a situação econômica da Petrobrás deveria ser levada em conta para permitir alteração do marco. Referindo-se ao “prejuízo” de R$ 34,9 bilhões forjado em 2015 por baixas contábeis de R$ 49 bilhões, ele declarou que a Petrobrás “não pode ser obrigada, em situação de dificuldade, a produzir petróleo em lugar de menor importância para ela”. Contrariando o interesse nacional, Lima também se disse contrário à ideia de limitar a produção.

 

Veja a lista dos entreguistas do Pré-Sal que votaram a favor do PL 4567/16

Altineu Cortes (PMDB/RJ)

Átila Lins (PSD/AM)

Alfredo Kaefer (PSL/PR

Bebeto (PSB/BA)

Cabuçu Borges (PMDB/AP)

Carlos Marun (PMDB/MS)

Capitão Augusto (PR/SP)

Covatti Filho (PP/RS)

Eduardo Cury (PSDB/SP)

Fábio Ramalho (PMDB/MG)

Hugo Leal (PSB/RJ)

José Carlos Aleluia (DEM/BA)

José Fogaça (PMDB/RS)

José Stédlle (PSB/RS)

Júlio Lopes (PP/RJ)

Jutahy Júnior (PSDB/BA)

Lelo Coimbra (PMDB/ES)

Marx Beltrão (PMDB/AL)

Nelson Marquezelli (PTB/SP)

Max Filho (PSDB/ES)

Ronaldo Benedet (PMDB/SC)

Rodrigo Maia (DEM/RJ)

 

Deputados patriotas que votaram contra o relatório

Carlos Zarattini (PT/SP)
Valmir Prascidelli (PT/SP)
Glauber Braga (PSOL/RJ)
Henrique Fontana (PT/RS)
Moema Gramacho (PT/BA)

 

 

 

Conteúdo Relacionado