Notícias

Petroleiros protestam em Brasília

Data: 15/06/2016 
Fonte: FNP
Autor: Alex Prado

Petroleiros da FNP, FUP e AEPET, com participação de trabalhadores da educação (CNTE) e do campo (MAB, MPA, MCP), de estudantes (UNE e UJS) e de outros movimentos sociais, fizeram um protesto nesta terça-feira (14), em Brasília, em frente ao Ministério das Relações Exteriores, com gritos de “fora, Serra” e “golpistas, fascistas.


O ato era para ter acontecido no auditório Nereu Ramos, da Câmara dos Deputados Federais, mas a Presidência restringiu o acesso à Casa, devido à sessão da Comissão de Ética, que aprovou o relatório favorável à cassação de Eduardo Cunha.


O ato objetivou mobilizar a sociedade para evitar a aprovação do projeto de lei 4567/16 de autoria do Senador José Serra (PSDB/SP) que tira a exclusividade da Petrobrás na operação do Pré-Sal. Segundo Arthur Ferrari, diretor da AEPET e do Sindipetro-RJ, a aprovação deste projeto entregará o Pré-Sal às empresas estrangeiras que não investem no Brasil.


Para Ivan Luís de Andrade, diretor da FNP, “o objetivo do governo Temer é favorecer as petroleiras estrangeiras, como prometeu  José Serra à Chevron”, declarou.


Ao encerrar o ato, o coordenador da FUP, José Maria, ressaltou que a luta em defesa da Petrobrás e do Pré-Sal  deve ser de toda a sociedade brasileira. “Nossa resistência tem que ser maior a cada dia que passa. Nós petroleiros temos a obrigação de sermos ponta de lança nessa disputa, mas temos a clareza de que sozinhos a gente não ganha essa batalha. Se não houver um movimento como foi “o petróleo é nosso`, eles vão sucatear a Petrobrás e levar o Pré-Sal”,  alertou.

 

Conteúdo Relacionado

Não há conteúdo relacionado.

Tags

Não há tags relacionadas