Em defesa da PETROBRÁS

Corrupção sistêmica e a imagem da Petrobras: transparência e controle social versus privatização1

Data: 21/11/2014 
Autor: Herbert Teixeira

Por Herbert Teixeira

 

Nas últimas eleições, os escândalos pipocaram, erodindo a imagem do partido do governo, o Partido dos Trabalhadores (PT) e seus aliados, e deixando em evidência que a má prática está disseminada pelo setor público e contaminou a maior e mais eficiente empresa do Brasil. A Petrobras foi alvo de denúncias de corrupção que foram usadas com fins eleitoreiros sem uma análise profunda dos verdadeiros beneficiários da dilapidação do maior patrimônio público do Brasil e de suas consequências para imagem da Petrobras. Foi mostrado apenas o domínio total das diretorias e cargos de outros escalões da Petrobras por partidos para o desvio de recursos públicos. A mensagem transmitida é que a Petrobras de hoje não é mais a mesma empresa do que a da virada do século, onde a privatização estava em discussão. O que mudou foi a sensação de descontrole e que a corrupção cresceu.

Onde levará a corrosão da imagem da Petrobras?

 

Leia mais clicando aqui

Conteúdo Relacionado